Letalidade da Gripe

Este gráfico mostra o benefício mais palpável trazido pela vacinação anual contra o vírus influenza: entre os mortos por Síndrome Respiratória Aguda Grave, SRAG, encontra-se muito mais gente não vacinada contra a gripe do que pessoas que tomaram a vacina, produzida no Brasil pelo Instituto Butantan. Quer dizer, quem se vacina, fica mais protegido da SRAG e, por isso, morre menos. SRAG também é o que leva à morte os casos graves de COVID-19. Entre virologistas ouvidos pela Newsletter, uma vacina tão efetiva quanto a vacina da gripe é uma meta ótima: não acabaria com a epidemia, mas evitaria talvez até 80% das mortes.