Os últimos números do coronavírus no Brasil e no mundo (05/05)

O Brasil tem, até a noite desta terça-feira (5), 7.921 óbitos e 114.715 casos de coronavírus, de acordo com os últimos dados divulgados pelo Ministério da Saúde. A taxa de letalidade segue em 6,9%. De ontem para hoje, 600 novas mortes foram notificadas.

Dentre o volume total de novos óbitos, 25 pessoas faleceram hoje, 51 ontem e 48 no domingo. A pasta informou ainda que há 1.579 óbitos em análise. Por isso, apesar de o número ser o maior atingido pelo país até agora num período de 24 horas, não é possível indicar o pico de mortes.

Até agora, 48.221 brasileiros estão recuperados da COVID-19 - 42% do total de casos - e 58.573 ocorrências são acompanhadas.

Epicentro

O estado de São Paulo, o mais atingido pela doença, registra 34.053 casos confirmados e 2.851 óbitos em decorrência da COVID-19. De ontem para hoje, 225 novas mortes foram confirmadas. A taxa de mortalidade por aqui é de 8%.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, 3.457 pessoas estão internadas em UTIs e 5.448 em enfermarias da rede paulista. A taxa de ocupação dos leitos de UTI em todo o estado está em 68,9%; na Grande São Paulo, recuou para 86,9% (ante 89% no último levantamento) em razão da abertura de novos leitos.

Nesta segunda, a capital paulista registrou 48% de adesão ao isolamento social e os demais municípios do estado tiveram 47% de adesão. "Não é possível trabalhar com esse número. O mínimo de 50% não vem sendo atingido. Nós teremos uma enorme dificuldade nesse mês se a taxa não for de no mínimo 50%. Eu me refiro a número de leitos, especialmente de UTI", afirmou o médico David Uip, coordenador do Comitê de Contingência do Coronavírus, em entrevista coletiva.

Outros estados atingidos

O Rio de Janeiro tem com 12.391 casos e 1.123 óbitos. Já Pernambuco soma 9.325 ocorrências e 749 mortes. O Ceará totaliza 11.470 casos e 795 óbitos.

COVID-19 pelo mundo

No mundo, o novo coronavírus já faz 3.646.206 infectados, além de ter causado 255.486 óbitos. Ao menos 1.187.783 pacientes estão recuperados.

Os Estados Unidos seguem em primeiro lugar no número de casos, com 1.201.337 casos e 70.646 vítimas fatais. Até agora, mais de 7,2 milhões de testes foram realizados no país.  

O Reino Unido ultrapassou a Itália em número de óbitos e soma agora 29.502 mortes e 191.831 casos confirmados.

A Itália, que agora é o terceiro maior país em quantidade de mortes, tem 29.315 óbitos; o país registra 213.013 ocorrências.

Já a Espanha tem 25.613 mortes e 219.329. Na França, são 25.534 mortes e 170.632 casos. Na China, onde o vírus surgiu, os números estagnaram: 83.966 casos e 4.637 mortes.

O Brasil está na 7ª posição no ranking mundial de óbitos por COVID-19 e ocupa o 9º lugar em número de casos confirmados.